Organize seu casamento LGBT
O amor merece ser celebrado em todas as suas formas! Pensando nisso, hoje selecionamos dicas para casais LGBT+ que desejam ter um casamento inesquecível. 

No Brasil, a regulamentação do casamento homoafetivo foi oficializada em 2013 e desde então cada vez mais casais homoafetivos desejam oficializar a relação de forma memorável.   

Contudo, ainda existem muitas dúvidas sobre cerimônias de casamentos LGBT. Pensando nisso, juntamos uma lista de coisas que podem ajudar casais homoafetivos na hora de planejar o seu casamento!  

Questão legal 

A gente sabe como a idéia de uma super festa de casamento é animadora, porém, às vezes esquecemos que algumas questões legais devem ser vistas anteriormente ao casamento. 

Como dissemos, desde 2013 é garantido por lei que duas pessoas do mesmo gênero possam oficializar a união. Para dar entrada na papelada, o casal deve comparecer 30 dias antes da data do casamento no cartório com duas testemunhas, sendo que elas não podem ser mãe ou pai e precisam ter mais de 21 anos. 

O casal deve levar suas certidões de nascimento, RGs originais e comprovante de residência original. Após isso, é preciso esperar cerca de 15 dias para que se comprove que o casal está apto para o casamento, e se tudo estiver certo, o casal tem 3 meses para marcar a data da cerimônia. 

Com a papelada em dia, você e seu amor podem finalmente focar na melhor parte do casamento: A festa! 

Escolha o seu celebrante

Em qualquer tipo de cerimônia o casal pode escolher quem será o seu celebrante. Essa pessoa ficará encarregada de guiar a cerimônia até o tão esperado sim, além de ser o responsável por emocionar o casal e seus convidados

O celebrante escolhido deve ser alguém que tenha habilidade de se comunicar bem com os convidados e noivos, que entenda e admire a história do casal e trate a cerimônia como um memorial da história de amor dos noivos(as). 

O casal pode pedir para algum amigo ou familiar para que diga algumas palavras bonitas e guia cerimônia, ao invés de contratar um celebrante. Lembrando que é possível que o seu celebrante tenha poder legal, basta solicitar o casamento civil em diligência, onde o juiz de paz e o escrevente vão até o lugar escolhido. 

Por fim, os noivos(as) devem podem e devem escolher a melhor forma de condução de sua cerimônia com uma pessoa querida! 

A cerimônia

A cerimônia é o núcleo da festa de casamento e não poderia ficar de fora dessa lista de como organizar o seu casamento LGBT!  

É na cerimônia de casamento que o casal reitera o amor um pelo o outro e confirmam o desejo de construir uma vida juntos. Por ser um momento tão especial e delicado, os noivos(as) devem pensar muito bem sobre qual tipo de cerimônia e o que pode faltar ou não. 

Alguns optam por celebrações completas, com direito a pajem, damas de honra, floristas etc. Já outros, preferem cerimônias mais simples e intimistas como um mini-wedding. A dica é começar planejando a sua cerimônia pelo básico: Depois de escolher o seu celebrante, selecione o que não pode faltar e o que pode ser deixado de fora. 

Como é a entrada dos noivos(as)? 

Uma das maiores dúvidas na hora de planejar uma cerimônia de casamento homoafetivo é escolher quem entra primeiro no salão e como isso vai ser. A verdade é que não existe um protocolo, portanto, o casal pode tanto entrar com um amigo ou familiar, quanto entrar de mãos dadas com o amor da sua vida!

Se o casal escolher entrar separado, escolha algum familiar ou amigo próximo para te levar até o altar, apenas decida com seu par quem entra na frente. Essa idéia é ótima para casais que querem seguir a tradição de não se ver antes da cerimônia! 

Já se você vai fazer diferente, uma dica de derreter corações é entrar de mãos dadas com a pessoa amada! Cruze o salão com o seu (sua) parceiro(a) em seus últimos momentos antes de aceitar passar o resto da vida juntos!

Novamente, não existem regras! Deixe a criatividade fluir e faça tudo com muito carinho.  

Capriche nos votos!

Uma cerimônia de casamento inesquecível sempre conta com troca de votos emocionantes entre o casal. Os votos ajudam a contar a história de amor entre duas pessoas e merecem atenção especial.

Além de emocionar os convidados, a hora da troca de votos é o espaço que o casal tem para contar um pouco da sua história com o seu par, fechando com chave de ouro os momentos anteriores ao sonhado sim. 

Não tenha medo de relembrar em seus votos de casamento momentos importantes que passou com a pessoa amada, sonhos e as razões pelas quais os levaram para o altar. Seus convidados irão amar ouvir mais sobre a sua história de amor.  

Mas se você não é muito bom com palavras, escolha uma música ou um poema que reflita um pouco sobre a trajetória do casal. Emoção não vai faltar! 

As vestimentas  

Assim como a questão de quem entra primeiro, os trajes do casal para o casamento homoafetivo é uma dúvida recorrente na cabeça dos noivos(as). Por não existir regras para essa celebração, não tenha medo de fugir das tradições, inclusive na hora dos trajes

Se o casal quiser se vestir igual, a dica é que escolham entrar juntos na cerimônia, causando impacto para os convidados. É possível também entrar apenas com peças combinando,como gravatas com cores iguais ou bouquets com a mesma cor e flor.

Já para os adeptos á roupas diferentes e que não pretendem combinar, fazer disso uma surpresa para o par na hora da cerimônia torna o casamento ainda mais emocionante. 

Na hora da festa 

Após o grande sim, chega a hora de celebrar o amor com a pessoa que você ama, amigos e familiares! 

A festa que acontece após a cerimônia e serve para celebrar os primeiros instantes oficiais da vida à dois do casal, por isso deve ser um momento único e inesquecível, com tudo o que os noivos(as) desejarem. Não tenha medo de realizar todos os seus sonhos nesse dia tão importante. 

A valsa é uma das tradições que confirmam o amor entre duas pessoas e podem estar presentes em casamentos homoafetivos! Os seus convidados vão se emocionar em presenciar um momento de tanto carinho entre o casal. 

Ainda nas tradições, jogar o buquê é sempre uma boa idéia. Além de divertido, convida os convidados a interagir e anima qualquer festa. Como o casamento homoafetivo não tem protocolos, por que não jogar o buquê para todos os solteiros da festa e não somente as mulheres? 

Por fim, o seu casamento homoafetivo pode quebrar as tradições para melhor atender os desejos do casal! 

Escolha um espaço que apoie todas as formas de amor 

Para que todo o seu amor seja celebrado, escolha um lugar que apoie e abrace todas as formas de amor! 

A nossa Casa, além de seus mais de 100 anos de história, acredita que todos os momentos bons da vida merecem ser celebrados, inclusive o amor em qualquer formato. Se você busca um local intimista, com uma arquitetura arrojada que mistura o contemporâneo-industrial e festa completa para até 150 convidados, A Casa Bovero é o seu espaço dos sonhos.

Quer conhecer um pouco mais da nossa Casa? Converse conosco!